ULTIMA NOTICIA

sexta-feira, 4 de setembro de 2015

inovaDay mostrou como a cultura organizacional gera inovação

Evento realizado mensalmente na Fundap trouxe ex-diretor da escola de oficiais da PM e consultora em gestão empresarial
O último inovaDay –programa que apresenta propostas de inovação tecnológica na administração pública realizado na Fundação do Desenvolvimento Administrativo (Fundap, vinculada à Secretaria de Planejamento e Gestão) – trouxe os depoimentos do coronel PM Maurício Weisshaupt Perez e da psicóloga e consultora de negócios Adriana Rosa, que demonstraram como a cultura organizacional cria as condições para o desenvolvimento da inovação. O programa foi transmitido pela Internet na última sexta-feira, dia 28, e pode ser visto acessando-se a páginahttp://www.igovsp.net/inovaday.
A gestão do coronel Perez no comando da Academia Militar do Barro Branco – na qual são formados os oficiais da PM – foi marcada pelo trabalho de pacificação do ambiente e dos métodos de formação dos alunos. Perez é um admirador das ideias de Monty Roberts, domador de cavalos americano que se tornou famoso por eliminar a violência no trato com os animais. O coronel fez o mesmo na academia militar que dirigiu, não com animais, mas com os próprios cadetes da escola. “Um deles será o comandante da corporação daqui a 30anos”, observou, para indicar que a transformação que iniciou deverá ter um impacto a longo prazo.
“Antes de pensar em mudança e inovação, conheça bem aquilo que pretende mudar”, alertou o coronel logo no início. Esse conhecimento não lhe faltou: como calouro aspirante a cadete da Polícia Militar, ele enfrentou há mais de 30anos uma recepção à base de jatos de gás lacrimogêneo e banhos de lama. Ao regressar como diretor da Academia, ele não encontrou uma situação muito diferente: três semanas de isolamento da família e dos amigos, exercícios de resistência à fome, à sede e ao sono. Ele percebeu que era preciso mudar e sabia muito bem o que estava mudando. Começou pelo começo, humanizando a recepção dos calouros, eliminando o assédio dos veteranos e instituindo um caráter beneficente à arrecadação de doações pelos calouros. Depois passou a promover o voluntariado entre os alunos. “No meio militar, todo pedido do comandante é entendido como uma ordem. Eu passei a admitir que eles optassem em colaborar ou não, e isso elevou a qualidade dos resultados obtidos, porque eles passaram a se dedicar de corpo e alma àquilo que aceitavam fazer”, declarou.
Os resultados não tardaram a chegar e foram, inclusive,comprovados pelo próprio Monty Roberts em visita ao Brasil. De volta à Inglaterra,Roberts comentou o assunto com a rainha, que decidiu condecorar o coronel da paz numa cerimônia no Palácio de Buckingham.
“A melhor maneira de predizer o futuro é inventá-lo”. A frase de abertura da palestra de Adriana Rosa explicou perfeitamente o que o coronel Perez fez na Academia de Polícia Militar. “Mudanças podem tanto gerar quanto destruir valor”, afirma ela. Segundo Adriana, a cultura organizacional é gerada por mensagens não verbais que definem o que é valorizado na organização. Dá pra mudar a cultura? Para isso ela adota o trio Ter, Fazer e Ser, contidos no método Walk the Talk, da Future Brands. Traduzindo: “fazer a conversa andar”. O Ter significa ter resultados tangíveis, concretos. O Fazer se refere a tomar atitudes, pôr as coisas para funcionar. E o Ser contém os pensamentos, valores e as crenças que sustentam tudo isso. Mas é preciso fazer uma coisa de cada vez, para se isolarem as variáveis e ter certeza do que mudou o quê.
“Não há confiança quando a ação difere do discurso”, alerta Adriana. “Há uma diferença entre negar e reconhecer responsabilidades”, explica. Quando você assume uma responsabilidade, gera confiança. A negação, ao contrário, gera desconfiança. Responsabilidade é a capacidade de responder por nossas atitudes, segundo ela. “Quantos reconhecem o que não sabem e quantos são responsáveis pelo que fazem?”. A resposta ela deixou para Gabriel, o Pensador:
“Muda, que, quando a gente muda, o mundo muda com a gente”.
inovaDayO inovaDay é uma realização do governo do Estado de São Paulo, promovida pela Unidade de Inovação em Governo (iGovSP) da Subsecretaria de Parcerias e Inovação da Secretaria de Governo, com apoio de Fundap, USP, Cepam e Seade –instituições envolvidas em um convênio para a promoção da inovação em governo. O site do programa contém todas as palestras e os debates das edições anteriores. O público pode assistir aos debates e participar deles no auditório da Fundap ou on-line em http://www.igovsp.net/inovaday; ou, ainda, pelo Twitter, por meio da hashtag #inovaday.
Jurandyr Passos

VEJA MAIS

Use do formulário ao final na página para mandar seu recado

Nome

E-mail *

Mensagem *